Apartamento DZ

concluído: julho 2017
local: Espinho, Portugal

A ideia para este apartamento começou por combinar o estilo de vida de uma casa de praia com o conforto e praticidade da primeira casa de um jovem casal. Tudo começou com a neutralização do espaço existente, das madeiras escuras, dos cerâmicos obsoletos que, juntamente, com a utilização de cores quentes, tecidos confortáveis, madeira e plantas interiores, transformaram este apartamento de 35 anos num lar contemporâneo.

ANTES












Todos os apainelados, portas e pavimentos em madeira foram mantidos, apenas foram feitos alguns trabalhos de manutenção e, no caso dos apainelados e portas foram esmaltados na cor branca. Aqui a ideia era manter o romantismo dos frisos, uma vez que toda a base seria branca, não queríamos que ficasse demasiado impessoal. Por outro lado, as portas das zonas comuns sofreram uma transformação maior - os quadriculados em vidro foram retirados, a parte central da porta foi cortada e uniformizada e uma peça de vidro fosco foi colocada - para trazer um ar mais contemporâneo para a habitação e ao mesmo tempo que mantém a privacidade, traz mais luz para os espaços de transição, como os halls e corredores.

DEPOIS